Personagens - extras - Gotta be you


Apaixonada por Niall Horan, secretamente. Filha do presidente, mimada. Melhor amiga de Cleo. Viciada em skate e manobras de 360º. Já fez ballet quando era pequena, ops, pequena ela ainda é, corrigindo, quando ela tinha seus 4 anos. 18 anos. Melhor amiga de Cleo, mas é bem diferente dá amiga, só gosta de diversão e baderna. 



Tímida, viciada em livros. Porém, ainda sim é uma das mais famosas dá escola por fazer parte das lideres de tocida. Esconde um enorme segredo, que ninguém sabe, somente ela. Ser melhor amiga da filha do presidente, tem suas vantagens. Amiga da Carly e a "Passa-cola" da sala, por ser a mais inteligente. 17 anos.

Gotta be you - capitulo 7

Viagem, inesperada.
 - três meses depois -
3:42 P.M. • 24 de março • Londres • Segunda

Eu: Mas, meninos...
Louis: Mas, meninos uma ova!! Ela não gosta de mim, tá?
Liam: Arhg!! Pera, Zayn, o que você acha sobre a SeuNome?
Eu: Ah, ela é legal, linda, companheira, gostosa...


Harry: CALA A BOCA MALIK!! Você ainda acha que eu tou deixando você tentar conquistar ela.
Niall: Ela é gostosa?! Deixa eu comer ela pra ver mesmo se é?? -ri malicioso
Harry: IDIOTA!! -bate na cabeça de Niall
Niall: Aiiii!!
Liam: Harry e Niall!! Parem vocês dois!!
Harry e Niall se entreolham, bufam:
-Desculpa! -fala em uníssono
 O Liam tem esse jeito paterno, nãos ei ao certo. Ele é sempre o organizadinho, o responsável, o que mantém a ordem, o cert... mentira, ele não é tão certo assim.
Liam: Zayn, tem três meses desde a festa do Louis. Não só eu como os meninos, percebemos, que você tá tratando ela frio, e a SeuNome continua a sofrer bullying na escola, ela anda sozinha, já que agora a Alex tá se distanciando póis tá ficando popular, você precisa ir se desculpar e passar a dá atenção a ela, me ouviu?

Eu: Vai dá certo?
Niall: Claro, os conselhos do Liam sempre dão..
Eu: Não perguntei a você!!
Louis: TRETA!! HARRY TRÁS LÁ A PIPOCA...
Harry: bufa e revira os olhos-
Eu: ri baixo- Valeu.. Er, vou indo lá..
Os 4: NÃO!!
Eu: Por que não?
Harry: Seu burro, você tem que sei lá... -Louis interrompe ele
Louis: Levar flores, essas coisas.
Niall: Você não falou que ela escreve poema?
Liam: Se ela escreve poema, ela gosta de coisas românticas.
Eu: Revirei os olhos- Mostrem as mãos...
 Eles mostraram, e cada um tinha um papelzinho.
Eu: LIAM!!
Liam: Qual é!! Eu não iria decorar todas as falas...
Eu: ri- Tá, tá... Valeu...

6:12 A.M. • 25 de março • Londres • Terça
SeuNome
Ponto de vista
 
 Acabei de acordar, com o maldito despertador. Levantei, fui pro banheiro e fiz minhas higienes matinais, logo em seguida tomei banho, terminei, fui pro closet e me vestir. Como tava frio, vesti uma blusa de manga, uma calça jeans, uma touca, poucos acessórios e troquei a capa do meu celular, calcei um dos meus vans e desci.

• • •

 Acabei de chegar na escola, fui para o corredor e acabei de receber suco na cara. Advinha só, um dos amigos do Zayn, provavelmente ele que mandou jogar em mim. Corri pro banheiro, chorando. Entrei em um dos banheiros, me ajoelhei e enfiei dois dedos em minha garganta. Senti aquela maldita sensação de tontura e tudo mais. Depois de um tempo, levantei, dei descarga e fui sai dá cabine, indo para o banheiro -principal-, lavei meu rosto e me olhei no espelho, respirei fundo e peguei minha escova na mochila e comecei a escovar meus dentes.

• • •

 Entrei na sala de aula, ainda sentia aquela maldita tontura. Sentei no fundo, e advinha quem tava a meu lado?
Zayn: Er.. Você tá bem?
Eu: Por que não estaria?
Zayn: Gosta de responder com perguntas?
Eu: Te interessa?
Zayn: Sim.
Eu: Problema é seu.
 Ele mudou de local, sentando na minha frente e se virou me olhando:
Zayn: Você tá pálida..
Eu: E daí?
Zayn: SeuNome, o que você fe... Não me diz que fez aquilo, novamente?
Eu: Se importa?

Flash on~

 Peguei meu celular, morrendo de tontura e liguei pro Zayn.
Ligação on~
Eu: Zayn.. Por favor, vem cá?
Zayn: O que você quer? Tou ocupado.
Eu: Zayn, eu tou muito tonta.
Zayn: Problema é seu.
 Senti meus olhos marejarem.
Eu: Zayn, eu pratiquei bulimia, e tou muito tonta.
Zayn: Ninguém manda fazer, quer saber? Faz novamente que passa. -desligou
Ligação off~

Fash off~ 

Zayn: respira fundo- SeuNome, me desculpa...
Eu: Não quero saber das suas explicações.
Zayn: Só... Vai na quadra no final dá aula tá?
 Antes de poder responder, ele levantou e se sentou longe de mim, abaixei minha cabeça e comecei a chorar silenciosamente.

• • •

 A maioria das pessoas já foram para casa, segui meu rumo até a quadra. O que será que ele quer conversar? Sobre o que? Não acredito que tou nervosa. Eu nem deveria tá aqui, o Zayn depois dá festa do Louis começou a me tratar muito mal, e dói até hoje, já se passou 3 meses, e eu voltei a me cortar. Respirei fundo e entrei na quadra, olhei em volta e tava cheio de cartazes, "restos" de flores jogadas pelo chão, que perfeito. Olhei para frente e vi o Zayn, sorri corada e fui me aproximando dele.
Eu: ainda sorrindo- Pra quem isso?
 Ele se vira, pega um buquê de flores e me dá.
Zayn: Pra você -sorri
 Ele se aproximou, e senti meu corpo gelar, um frio na barriga, ele sorrio e selou nossos lábios. Ainda com o buquê na mão coloquei meus braços em volta do pescoço dele, ele colocou as mãos em volta dá minha cintura e deixou o beijo mais intenso. Depois de segundos, parei o beijo com falta de ar. Ele colou nossas testas e sussurrou:
-Tou desculpado?
 E como resposta, selei nossos lábios novamente.

3:46 P.M. • 25 de março • Londres • Terça
Alex
Ponto de vista

Eu: E se eu dizer não?! -séria
Vanessa(líder da torcida): Querida, você não tem escolha, ou você viaja com nós para fora de Londres para as regionais e quando voltar, ser uma das mais populares, mais gostosas e desejadas dá escola. Ou ficar com ela, cabelo de fogo.
Eu: Mas por que não posso levar ela?
 Uma coisa que aprendi durante esse tempo todo de quase popular foi, não posso defender ninguém, as líderes sempre fala mal de todos, todos mesmo, menos a treinadora.
Vanessa: PORQUE ELA É UM LIXO.
 Me segurei para não falar nada.
Andie(treinadora): Já chega vocês!! -chega do nada- Você vai, ou tá fora da torcida... -dá meia volta e sai
 Nessa hora Vanessa me olha com um enorme sorriso no rosto e aquilo me irritou e muito.
Eu: bufo- Sim.. E quando vai ser?
Vanessa: Depois daquele maldito acampamento que sempre eles fazem. Nem sei pra que é mesmo.
 Droga!! Falta pouco, e agora? Como vou contar para SeuNome?

Oi meninas, comentem o que acharam, mandem idéias, obrigada.
Ansiosas pelo clip de You and I? Eu tou super.
Beijos.
Leeh: Pode deixar amor. É que esses dias tava em prova, acabou sexta, foi quando comecei a fazer o cap.

Gotta be you - capitulo 6


 Acabei de acordar, abri meus olhos depois de um longo tempo. Estava me sentindo uma idiota, tipo, eu fui humilhada no meu próprio aniversário (que eu não queria, mas ok). Levantei devagar (parecia mais câmera lenta, mas ok), fui pro banheiro ainda me batendo em várias coisas e quando terminei de tirar minhas roupas o Zayn me liga (eu sei porque deixei um toque só pro contato dele). Vou pro quarto enrolada em uma toalha, pego o celular em cima do criado-mudo e o atendi:
Eu: ...
 Preferi deixar ele falar primeiro, não quero que ele perceba que aquilo me afetou, muito.
Zayn: Princesa?
 Não sei porque mais abri um sorriso, fraco, com aquilo.
Eu: Isso é pra me animar?
Zayn: Aceita ir comigo na festa do Louis?
Eu: Outra festa? -falei em um tom de "não vou"
Zayn: Por que tá respondendo com uma pergunta?
Eu: Ah, desculpa. Er... Festa de dia?
Zayn: É na piscina.
Eu: Não mesmo.
Zayn: Por quê? -fala de um jeito mimado
 Primeiramente, quando eu fosse pular na piscina não queria que alguém gritasse "-Bola de canhão" . Seguidamente, não quero que ninguém se assuste de como sou obesa. Mas, desci responder simplesmente:
Eu: Porque eu não quero ir.
Zayn: Eu não aceito um não. Então, em 20 minutos estou ai. -desliga
 Não acredito. O Zayn só pode tá brincando, mas pensando pelo lado bom, é a hora de mostrar que pelo menos eu não posso ficar humilhada. Fui correndo pro closet, comecei a procurar alguma roupa, jogava pra fora do closet (ainda de costas) as roupas que não queria.

[...]


 Depois de um certo tempo encontro umas roupas meia decotadas e curtas, separei e fiquei pensando em qual eu vestiria. Acabei ficando com uma blusa/top listrada, short jeans, biquíni preto. Corri pro banheiro, tomei um banho rápido (mas nem tanto, uns quinze minutos por aí), voltei pro closet, peguei aquelas roupas tentando dobra-as rápido e guardei-as. Corri de volta pro quarto e me troquei, demorou um pouco por causa do biquíni. Coloquei meu celular no bolso, calcei a sapatilha e desci dando de cara com o Zayn conversando com meu pai. Não deu pra ouvir nada dá conversa. Corei ao perceber o olhar do Zayn, terminei de descer as escadas e fui até ele:
Zayn: Pra quem não queria ir... -meu pai interrompi-o
Eu: Shhh... Se não desisto de ir
Zayn: Okay, calei.
Pai: Tchau e se cuidem! -beija minha testa
 O Zayn levantou e fomos pro carro dele. Ele abriu para que eu pudesse entrar, entrei. Ele entrou em seguida e deu a partida. De vez em quando eu dava uma olhada no Zayn, nossa, ele tá tão... lindo,gostoso,charmoso,cheiroso, resumindo.. Perfeito.

[...]

 Acabamos de chegar, sai do carro, ele saio em seguida, fiquei boquiaberta e fechei a porta do carro ainda olhando a casa. Era enorme, aquilo era castelo -ou pelo menos parecia-, três andares, larga e já dava pra ouvir os gritos das pessoas na piscina. Fui entrando com o Zayn, passamos por algumas meninas que me olharam com cara de nojo...Os meninos olhavam pro Zayn com cara de "tá drogado cara? ó a mina que você trouxe". Só de imaginar, meu lhos encheram de lágrimas, engoli o choro e fui indo com o Zayn até o Louis.
Louis: Olha só quem veio!!
Zayn: Agradeça a mim -sorri convencido
Eu: ri baixinho- Parabéns Boo!! -o abraço
Louis: todo alegre e contribuiu-

Eu: ri e me soltei o olhando-
 Percebi o olhar do Zayn, ri baixinho, alguns amigos deles foram se aproximando e o comprimentando, o Zayn se afastou indo pra perto de algumas meninas, senti meu coração gelar. Respirei fundo e fui andando pelo local de cabeça baixa até que me esbarro em alguém:
Eu: Des...desculpa -ainda de cabeça baixa
Xx: Tudo bem.
 Suspendi meu rosto e fiquei hipnotizada com aqueles olhos azuis claro, ele era um loiro (falso) e tava corado.
Eu: me afastei- Me perdoa mesmo...
Xx: Hey calma, eu não mordo -ri baixo- Qual seu nome?
Eu: SeuNome e o seu?
Xx: Prazer madame, Niall Horan. -pega minha mão e a beija
Zayn: chega do nada empurrando Niall- Caí fora loiro oxigenado.
Niall: Hey!!
Eu: Zayn!!

 [...]

 Louis: Você tem duas opções, ou entra na boa ou na ruim!!
Eu: Não quero entrar Louis!! É sério!! -séria
Louis: No 3!!
Liam: ri- Tá
Louis: 3...2...
Eu: TÁ EU ENTRO!! -grito e eles me colocam em pé
 O Louis tava me segurando pelos pés e o Liam as minhas mãos. Assim que me colocaram no chão retirei o top e short ficando de bikini. Senti os olhares dos meninos, corei e fiquei na borda.
Eu: Pronto, seus chatos...
Liam: me empurra e gargalha
 Assim que cai na piscina, subi para superfície, encarando o Liam e o Louis que riam.
Eu: Me ajuda a levantar!!! -fingir tá séria e estendi a mão
 Liam me deu a mão, quando peguei, juntei minhas forças o puxando pra piscina, fazendo-o cair. Assim que ele caiu, caí na gargalhada.

Zayn
   Ponto de vista

 Aqui estou eu, bebendo e olhando a SeuNome jogando água no Liam, dentro da piscina. Eu odeio admitir, mas eu tou com ciúmes. Dei mais um gole, encarando aquela cena. A ideia dela vim pra cá foi minha e do Louis, não do Liam. Ontem, pela manhã, eles nem se conheciam e agora estão ai, me substituindo. Eu sinto uma coisa pela SeuNome que nunca senti por ninguém. Levantei e fui pegar mais uma bebida, a minha tinha acabado.

[...]

 Estamos na sala, em forma de uma roda. A maioria das pessoas já foram. E estamos assim:
 Acho que não vai cair eu e a Seunome, DROGA!!
Fin: Vamos começar ou não? -bate na mesa irritado
Lia: Tpm? -ri baixinho mais a Katy
Louis: Tá, tá.. Vamos lá... -roda a garrafa que tava em cima da mesa
 E olha só, caiu Liam para a Cleo
Liam: Verdade, pergunta ou desafio?
Cleo: Pergunta
Liam: Com quem, de todos aqui, você ficaria.
Cleo: ela parecia nervosa- Er.. Louis -sorri aliviada
 Eu estranhei aquilo, muito. Cleo rodou, caindo Katy para Harry.
Katy: Escolhe o que gatinho? -sorri maliciosa
Harry: Desafio -sorri
Katy: sorri- Te desafio a de sunga, sair gritando na rua que é gay.
Harry: bufa e levanta
 Fomos seguindo o Styles até na rua, ele retirou o short e a camiseta, e saio gritando no meio dá rua:
-Gaaaay!!! EU SOU GAY!!
 Nós todos não paramos de rir, riamos muito, a Mia chorava de rir.

[...]

 O Harry já tava em volta dá mesa, todos de volta, no mesmo lugar. Alguns ainda riam ao olhar para o Harry. O Harry rodou, caindo Louis para SeuNome.
Louis: Então, o que escolhe gatinha?
 Nessa hora, todos viram que a bochecha dá SeuNome ficaram vermelhas.
SeuNome: Desafio
 Ela sorrio, suspirei fundo. O que será que o Louis vai aprontar...
Louis: Me beija..
SeuNome: Ein?!
Lia: Desafio, gatinha.
Fin: Tem que cumprir..
 SeuNome se levantou, e Louis também, ela ficou nas pontas dos pés e selou os lábios aos deles. Naquela hora senti meu coração partindo no meio. Senti meus olhos encherem de lágrimas, respirei fundo tentando me acalmar, consegui. Depois de segundos, eles tavam se beijando. Os braços do Louis tava em volta da cintura da SeuNome, a pressionando mais pra ele. Claro que tava morrendo de inveja, eu que amo a SeuNome, eu vi ela primeiro. Não que ela seja um objeto pra ver quem pega, eu não quero pegar, eu quero ela do meu lado, pra sempre (que gay Zayn, fica quieto). Eles pararam, e se sentaram, a SeuNome tava toda corada.
Fin: sorri malicioso- O quarto é lá em cima sabia?
Harry: Heey!! -se aproxima de Fin e bate na cabeça dele
Fin: Hey!! Por que tá defendendo ela?
Eu: Eles são melhores... amigos -dei uma certa pausa
Mia: Tá, agora continua, por favor...
 SeuNome esticou o braço e rodou a garrafa, rodando (não, imagina), e caindo no Niall pra mim.
Niall: Então, o que vai escolher?
Eu: Pergunta
Niall: Qual dessas gostosas daqui, você pegaria essa noite?
 SEUNOME!!SEUNOME!! PERA.. Eu não posso falar SeuNome, droga. Isso me irrita. Ela vai pensar o que? Ela gosta do Louis, olha o sorrisinho dela olhando o Louis, mereço. Respirei fundo, abri um sorriso falso mas que parecesse real:
Eu: Lia
 Ela me olhou e corou, sorrio fraco. Rodei caindo Fin para Katy.
Katy: DESAFIO!! -fala rápido sorrindo
Fin: sorri malvado- Beija a Cleo...
Katy: EIN??
 A Cleo parecia aceitar aquilo na boa, pera, será que ela é do outro time? Eu ein...
Cleo: Desculpem, eu tenho namorado e não posso trai-lo.
 Ah, agora tá explicado.
Fin: bufa- Tá, beija o Harry
 Ela sorri vitoriosa, fica em pé, Harry fica também, ele a beija.
Hi girls, eu acho que vocês tão querendo me matar.
Eu tou como muita preguiça e falta de criatividade, eu tenho que agradecer a Amanda,
uma leitora minha, pela ideia da festa na piscina. Muito obrigado, flor!
Tou também no tempo de prova, ai já viu né? 
Mas vou colocar a preguiça de lado tá? 
Beijos#

Haru-Chan: Aiin, que bom =)!! Qual seu nome flor??


Personagens - Little Love

Hello !
Girls,vamos esclarecer uma coisa : Eu tenho que aprender a fazer fics de verdade . Eu sei que vocês gostam,mas eu encaro os fatos que :
1° - O Hazza famoso é melhor que o Hazza não-famoso
2° - Essa mania MI-SE-RÁ-VEL de enfiar "raius" de sobrenaturalidade 
3° - Parar de ser tão chata .

Então eu vim postar alguns capítulos de uma fic que eu fiz à 1 ano . Ela é baseada em um filme chamado "Juntos pelo Acaso"













 Harry Edward Styles

Harry foi criado desde criança ao lado de SeuNome,que ficou órfã com 6 anos . Ele é agora o famoso cantor da boyband britânica One Direction e também o "pai" de Charlie . Harry tem um sentimento secreto por SeuNome,e começa a revelá-lo aos poucos . Harry pode ser cabeça-dura,paquerador,mas no fundo,guarda um homem que surpreende até quem o bem conheça .



SeuNome Thalia Grace

SeuNome é uma garota de 19 anos,órfã,que viveu a vida toda ao lado de Harry e sua família . Após ele ter ficado famoso e mudado para Londres,SeuNome começou a trabalhar como gerente e editora-chefe do jornal "Daily Star" e a morar na mansão de Harry . Conhecendo assim Hannah,uma fotógrafa do jornal,elas começam a se aproximar até virarem quase irmãs,mas,Hannah acidentalmente engravida,sofrendo com seus pais e tendo apoio apenas de SeuNome,Alice,sua irmã mais velha e Harry . 



Charlotte 'Charlie' Kendall Stace 

Charlie é a pequena atração e nova "filha" de SeuNome e Harry . Charlie é adorável e dengosa desde que nasceu e é apaixonada pelo Harry . Seus cabelinhos são loiros e olhos azuis,iguais ao da mãe .
Foi lhe posto Charlotte,já que a mãe desejou esse nome à ela ; Como sobrenome Kendall em homenagem à Hannah e Stace,uma mistura de Styles (Harry) com Grace (SeuNome) (Styles + Grace = Stace)









Hannah Sophie Kendall

Hannah foi uma garota que sempre sofreu em relação à sua família . Seus pais tinham um nome de honra em seu bairro e eram bastante finos,mas,Hannah,por sua vez,não aguentava essa formalidade . Começou a trabalhar no Daily Star,como fotógrafa,e rapidamente formou uma amizade com SeuNome,a gerente do jornal . Por um deslize,cometeu o maior erro da sua vida : Ficar grávida antes do casamento . Seus pais,horrorizados com a barbaridade,não aceitaram a gravidez e,no dia do parto,acabou falecendo e deixando sua filhinha,Charlie .

Alice Allison Kendall

Alice é a irmã mais velha de Hannah,e tem 24 anos . Alice não é bem a amiga de SeuNome,mas aproxima-se à ela enquanto vê sua irmã numa situação onde só uma pessoa pode ajudar a outra . Alice não era contra a gravidez,mas não podia criar uma criança ao lado dos pais que odiavam . Alice tem uma vida complicada,tendo assim,pouco tempo para uma vida de mãe .

Robbie Lawrence Grace

Robbie é o irmão mais velho de SeuNome . Após o falecimento de seus pais,Robbie decidiu ir morar na América,juntamente com sua tia rica . Ele sempre amou sua irmãzinha mais nova,e algo que ambos têm em comum é ter aquelas tão bobas discussões de irmãos . Robbie é famoso por toda New York,já que é dono,juntamente com seus tios,de uma grande empresa .


Matt Queen

Matt é o ex-namorado de SeuNome e o segundo editor (Atrás de SeuNome) do Jornal Daily Star . Ele é apaixonado por SeuNome desde que a conheceu . No início,admite que a odiava por que era "durona" o bastante para não ter interesses em relacionamentos,mas,o ódio o transformou em um masoquista,e assim,conseguiu amolecer o coração de pedra dela . Matt é um bad boy mimado e rico,e é capaz de cometer um crime por SeuNome .


Hi Girls !

Oi Fofas !

Sumi né ? Ei,ei,antes de me matarem,deixem eu dar uma explicação .
Primeiro : Preguiça . Eu andei tão lerda que pra sair da cama alguém tem que me arrastar .
Segundo : Deveres . Eu sei que aqui é o melhor lugar da internet,mas compreendam que a vida virtual e atual são totalmente diferentes . Ano passado,acabei me arrombando com isso e caí em recuperações . Esse ano não posso retornar a acontecer isso . (e os professores miseráveis aproveitam de garotinhas boas,passando deveres .)
Terceiro : Sem criatividade . Para fazer uma fic,tem que ter bons recursos para não desviar do objetivo principal . E eu andei muito sem criatividade . Um dia,a tia Anne volta (não vai demorar) .
Quarto : Minha obsessão por blogs mudou . Eu vou fazer um blog de fanfics diferentes,e aqueles de livros foi cancelado .
Quinto : To de castigo . Eu aprontei uma aqui que deixou minha mãe uma zebra !

Eu to morta de saudade de vocês . Sério mesmo . Mas ... podem me esperar um pouquinho ? Prometo que volto ! :)
(Ah,depois eu posto o link do projeto de fic que eu to planejando no outro blog)

Um XOXO grande
Anne N .

All for you - Capitulo 29

Bianca
P.D.V

Sabe o quetou indo fazer? Indo para o jantar com o Louis, grandes coisas não? Para mim é, eu estou tentando demonstrar que estou calma, mas por dentro eu estou morrendo de curiosidade e estou para gritar!  Ele até agora não me disse aonde íamos. Ele respondeu “-Surpresa, calma apressadinha” nas últimas 10 vezes ou mais que perguntei onde estamos indo.
Eu: Boo... –me interrompeu
Louis: Surpresa, calma apressadinha
Eu: Você tá parecendo um robô, mas muito fofo sabia?
Louis: Não vai me comprar -sorria
Eu: bufo- 
 Continuamos o caminho todo em silêncio. Quer dizer, ele tentava puxar assunto, mas não respondia, continuava emburrada de braços cruzados. Depois de certo tempo chegamos. Ele saiu do carro e foi até minha porta, abrindo-a e pegando em minha mão sorrindo e me puxou para fora do carro. Wou, que legal. Só podia ser o Louis ! Legal, estou de frente ao Gordon Ramsay um dos restaurantes mais caros de Londres , me virei para Louis quando ele terminou de fechar a porta do carro. Ele sorriu e foi me puxando, grudo meus pés ao chão, impedindo que ele me leve para dentro, encaro-o e saiu andando pro carro, ele corre até mim e me vira, o rosto dele mostrava que ele tava bem confuso.
Louis: Pensei que iria gostar - suspira triste
Eu: Na verdade, eu adorei, mas Boo, não quero que gaste seu dinheiro comigo.
Louis: sorri aliviado- Calma tá? Meu tio é dono de isso aqui, então ele cobra a metade...
Eu: Encaro-o - Mentir é feio
Louis: Tá, tá, tá, eu tenho um dinheiro sobrando Bia, então nem vai fazer diferença.
Eu: Claro que faz Boo, você continua gastando dinheiro comigo -bufo
 Pensa em uma coisa que eu acho super clichê é a mulher ser sustentada por um homem. Eu não acho justo, afinal, as mulheres também nasceu com pernas e braços e consegue trabalhar. O Boo é muito machista e não gosto disso nele. Eu nem deveria ter concordado de sair com ele, poxa. Eu deveria imaginar que ele iria querer pagar. Respirei fundo pensando se ficaria ali ou não, o pior é que eu tou estragando tudo com minha teimosia, vamos lá Bianca, dessa vez vou consegui ficar na minha.
Louis: Não gostou né?
Eu: suspiro fundo- Tá vamos seu chato
 Solto um riso forçado, mas não muito e entro com ele e sentamos em uma mesa já reservada e ficava no centro do restaurante. Tento sentar "civilizadamente" e parecer ser educadinha, Louis olha pra mim e sabia que ele tava segurando a risada. Já ele, bem civilizado (educado, gentil,  que seja...) sentou corretamente e ainda segurava o riso sobre minha postura, respiro fundo e desabo ficando logo normal, ou seja, totalmente sem postura:
Louis: Prefiro você assim -ri

[...]

Já tínhamos feito o pedido, conversa vai, conversa vem. Depois de minutos, -poucos-, o pedido chega e pra minha surpresa não veio o que tinha que pedido e sim, uma pizza. Eu fiquei paralisada por alguns segundos encarando a pizza, depois olhei o Louis e cai na gargalha (civilizadamente, se é que isso é possível), ele me olhava e ria baixo, respirei fundo tentando entender o que tava acontecendo e recupero o fôlego:
Louis: Não gostou?
Eu: Não pedi isso..
Louis: Come logo .. -revira os olhos
 Claro que não iria comer uma pizza INTEIRA!! Era só um pedaço, mas pra ele veio o pedido dele, eu não tava entendo nada e olha que não sou muito lerda. Comecei a comer e no primeiro pedaço que enfiei na boca senti uma coisa metálica, tentei engoli só um pouco do pedaço dá pizza que tinha na minha boca por sorte de principiante, consegui. Retirei aquele treco dá boca e quando olhei...
Eu: O que é isso?
 Ele sorria, levantou, estendeu a mão pra mim sem eu entender nada, peguei na mão dele e ele me levantou, e estendeu minha mão pra cima como se fosse pra eu poder subir na cadeira, fiz isso. Ele se ajoelhou sorrindo e pegou anel dá minha mão, colocou na caixinha.
Louis: Pera, vamos fazer isso direito -ri baixo
 Ele coloca a caixinha vermelha fechada dentro do bolso, depois de um riso nervoso, pega e abre , olha nos meus olhos:
Louis: Bia... Você sabe que eu te amo muito e que sou péssimo com palavras, mas saiba que faria tudo pra ouvir um sim ok? -sorri- Quer casar comigo?
 Naquela hora sentir meu coração disparar, eu tava boquiaberta. Olhei em volta disfarçadamente pra ele não pensar que eu fosse responder um, não. Os garçons e o gerente nos encaravam. Os clientes que estavam no local gritavam "diz sim,diz,diz sim". Olhei nos olhos dele e abri um enorme sorriso sem se importar com o que o dono, gerente ou sei lá o que do restaurante fizesse, e gritei sim, gritei:
Eu: SIM,SIM,SIM, MIL VEZES SIM -sorria
 Ele levanta e me pega no colo, me girando no ar enquanto me beijava depois me pois no chão e coloca o anel e me dá um, coloco nele. Logo em seguida ele me beija, eu poderia parar o beijo e dizer que não aceitaria aquele anel pois eu sei que foi muito caro, -pela aparência- .
 Mas eu só quero aproveitar o momento, contribuindo ao beijo.

   Carol
P.D.V

 Estou nesse exato momento com meus olhos vendados. O por quê? Nem eu sei. O Harold disse que eu iria ter uma surpresa, agora, qual eu não sei, afinal não tou vendo nada.
Eu: Harry, deixa eu ver vai!!
Harry: Calma, apressadinha -ri
 Ele retira a minha venda fazendo com o que eu visse. Era o lugar mais perfeito de todos, ainda vazio, ou seja, sem moveis. 
Sim, sim, sim. Eu estava em nossa casa. Mesmo eu não acreditando que aquilo realmente tava acontecendo. Coloquei a mão sobre minha barriga ainda sorrindo e sussurrei o mais baixo possível:
-Nossa casa, Ronald.
 Isso mesmo, o nome do meu filho é Ronald. O Harry que escolheu e eu gostei, então vai ser esse. Falando no Harry, ele se aproximou me abraçando de trás e colocando as mãos sobre minha barriga, sorria e pergunta meio nervoso:
-Gostaram?
 Olha a pergunta dá criatura? Ele sabe que sim e ainda pergunta, tudo que sempre quis foi uma casinha pra morar e olha só, tou dentro de um casarão. 
Eu: Amei. Vamos conhecer nossa casa Ronald? -sorri
Harry: faz voz de bebê- Vamos mamãe -ri logo em seguida
 Solto uma leve gargalha e pego na mão de Hazz. Subimos as escadas (com ele me levanto, óbvio, que não queria) e começamos a conhecer a casa. 

[...]

 A casa é totalmente perfeita. Eu e o Harry fomos pra nossa casa -alugada-. 
 Assim que chegamos já vou logo cruzando os braços e o encaro:
Eu: Quanto pagou?
Harry: Não vou dizer se não vai querer me dá a metade -sério
Eu: Harry... -falo manhosa choramingando- Fala vai -faço o biquinho que ele não resiste
Harry: Ca... -suspira- Eu não vou cair nessa!! -fecha os olhos 
 Ele se vira, abre os olhos e vai indo pro quarto. Sento de braços cruzados totalmente irritada, odeio esse machismo dele. Ele sempre quer pagar tudo!  Não é só ele que tem dinheiro. Poxa, isso me irrita e muito. Mas não vai ficar assim.


Niall
 P.D.V

 Esse sorriso é o que me faz sorrir. De quem tou falando? Quem mais poderia ser?! Minha Laura. Isso, minha, só minha!!
 Nesse exato momento estamos arrumando o quarto do nosso bebê, já tínhamos comprado tudo, inclusive uma casa de dois andares, cinco quartos -eu quero ter vários filhos valeu?-, uns sete banheiros, uma biblioteca, piscina, academia, um quartinho só pra minha coleção de violão, cozinha, etc. A Laura CONTRA MINHA OPINIÃO pra deixar claro, ajudou a pagar a metade. Eu que deveria pagar tudo já que tenho dinheiro pra distribuir. 

[...]

 Acabamos de terminar de arrumar e pra minha surpresa, tá perfeito. Ela e eu estamos felizes com o resultado, muito trabalho, bom resultado. 
Laura: Tá muito decorado não amor?
Eu: Calma minha perfeccionista. Tá perfeito assim. 
Laura: Mas...
Eu: Laura... -sério
Laura: suspira- Tá...
 Abraço-a de trás e sussurro no ouvido dela:
Eu: Já disse que tá perfeito assim, agora vem, vamos descansar.
Laura: Mas eu não tou cansada.
Eu: Lau...Pelo nosso filho, descansa só um pouco
 Ela me olha com cara feia e vai indo pro quarto, eu a sigo. Ela se deita na cama olhando pro teto, depois de segundos me olha e abre um enorme sorriso. Claro, sorri também. Esse sorriso um dia ainda me mata, mas por enquanto vamos viver. 
Laura: Isso tá acontecendo mesmo?
 Sorri mais ainda, me aproximo e sento a olhando.
Eu: Sim, princesa 
 Vou deitando por cima dela, me apoiando sobre meus braços e a selo demorado, abro os olhos, com meus lábios ainda sobre os dela e sorrio fraco.
Eu: Eu te amo...
 Ela cora e me sela.
Laura: Também te amo oxigenado. -ri baixo


1 ano e dias depois...
Nath
P.D.V

 Depois que o Mr. Povin foi preso muita coisa mudou. Pra mim, foi pra melhor. Nossa turnê acabou e estamos todos no avião voltando pra casa, eu estou super feliz.
 Você deve tá se perguntando:
-Nath? Você e o Leo voltaram?
 A resposta é não. E eu tou super feliz que essa seja a resposta. Estou namorado novamente, isso ai, não fico parada. O Leo ainda tá solteiro e somos bastante amigos. Inclusive, ele está do meu lado e estamos conversando sobre mechas.
Eu: Rosa!! -bato palmas igual uma criança de três anos
Leo: Não, eu já disse que não vou pintar meu cabelo
Eu: Não é pintar é só mechas...
 E passamos a viagem toda tagarelando/brigando sobre o Leo colocar mechas.

Horas depois
SeuNome
P.D.V
 Eu não tou acreditando, é hoje. Vou ver minha filha, que tou morrendo de saudades, vou ver meu Liam, vou ver o Zayn, vou ver minha família. Estou ansiosa, nervosa, tou tudo.
 Sinto algo em minhas mãos vibrar, meu celular. Sorri ao ler:

 Baixinha, estou no aeroporto te esperando.
Nyaz Xx

Tá você e mais quem?
SeuNome ~

 Somente eu.
Nyaz Xx

 Senti meus olhos marejarem. Nossa, será que só ele lembrou de mim? Calma SeuNome, deve ter acontecido alguma coisa, sei lá. Já estávamos quase chegando, faltava minutos. Resolvi ir tomar banho e pelo menos parecer que estava "feliz". A resposta certa é, eu tou muito cansada e nem um pouco feliz. Depois dá prisão do Piven, as coisas mudaram e muito. Exemplo, tem novo coreografo, outros professores, mais ensaios, mais shows, mais autógrafos, mais fotos. Eu não quero essa vida pra mim. Sabe o que é você ver sua filha só através de uma tela e no máximo, meia hora por dia? Sabe o que é as pessoas que você ama lhe ligarem e você ter que desligar por não ter tempo. Eu mal tenho tempo pra dormir, não só eu, como os outros. Eu estou totalmente exausta. Porém, tudo sempre tem um porém, eu amo demais meus fãs, meu fã clube é perfeito e não quero deixar eles, então, tava pensando em falar com o Simon, pra só postar vídeos no youtube e se ocorrer turnês -carreira solo- que seja curta no máximo três meses e poder levar minha filha comigo. Ai minha nossa, acredite, só de pensar nisso tou chorando. Deixa eu ir me arrumar logo.

[...]

 Estou me olhando no espelho. Esse avião já é equipado como uma casa, pra a turnê dá nossa banda, quer dizer, ex banda. Nós todos resolvemos seguir carreira solo, quer dizer, menos o Leo que quer ser cabeleireiro, mais ou menos. -ri com meu pensamento- . Será que está bom assim ? Essa roupa deve tá muito exagerada,não? Ah, deixa pra lá. 
 Voltei para minha poltrona e botei alguma música pra tocar na minha playlist -claro que tava com o fone-

[...]

 Estou descendo a escada do avião e já dei de cara com o Zayn. Terminei de descer e ele já veio correndo pra cima de mim (me abraçando e me girando no ar). 
Eu: Me põe no chão -falo enquanto ria baixinho com meus braços em volta do pescoço dele
Zayn: me coloca no chão mas continua me abraçando- Que saudade baixinha.
 A sensação de abraçar seu irmão depois de um ano é ótimo, mas eu quero é abraçar minha filha que não vejo a muito tempo -1 ano é muito tempo sim-. Desabracei do Zayn e ele tá com os olhos marejando enquanto eu tou chorando, odeio chorar motivos  bob... ok, a ocasião de agora não é boba. Mas ainda não me sai dá cabeça o porque do Liam não ter vindo me ver e é claro que eu não vou perguntar ao Zayn. Depois de muita conversa, me refiro ao "Você tá bem?" "Tou sim", sim, falei irônicamente. Fomos para o carro dele, ele -que segurava minhas malas, claro que não concordei com aquilo -colocou minhas malas no porta- malas, e entrou entrei em seguida. Ele não parava de sorrir, eu também não.

[...]

 Ele acaba de estacionar, acho que meu coração vai sair pela boca. Desci do carro e meu coração acelerou mais ainda -se é que é possivel-. Ele disse que pegava minhas coisas depois e fomos andando até a entrada. Entrei e vi o Liam e a Elly, ela segurava um bolo na mão, o Liam tava por trás, ajoelhado, segurando o bolo por baixo dá bandeija ajudando a Elly. Abri um enorme sorriso e ele me olhou deixando uma lágrima cair.
Elly: Pra você mamãe -sorria
 Senti uma coisa quente percorrer minha bochecha, eu tava surpresa e muito feliz. Me aproximei, peguei dá mão deles o bolo e ri baixinho.
Eu: Não foi o papai que fez não né filha?
Liam: Hey! -sorri falando irônico, levanta e me sela demorado.
 Novamente deixei uma lágrima cair. Passei meus braços por volta do pescoço dele, ele colocou os deles em volta dá minha cintura. Ele pediu passagem, eu cedi.




 Oi minhas lindjas.. Tou sumida não? Meu computador está quebrado. A resposta é não, a fic não acabou. Fiz o capitulo todo pelo tablet (é horrivel ). Bom, comentem. Falem ideias e tals. Vou indo, bye.



When Love Happens - capítulo 53 FINAL

"...e viveram felizes para sempre"



(antes de lerem eu queria avisar que mudei a data do casamento por não estar lembrando alguns dos detalhes 
importantes ok?hehe...Ah,e eu quero MUITO que vocês leiam o meu comentário no final <3 )


...alguns meses depois...

Autora P.O.V's
Durante esse tempo algumas coisas "interessantes" aconteceram.Lexi,a psicopata,está reagindo bem ao tratamento,está um pouco paranoica,porém não está tendo mais os pensamentos suicidas do começo.Louis e Bianca se casaram,no dia 24 de Novembro,agora eles compraram uma casa,na cidade Natal do Louis,porém ainda estão morando aqui,em Londres,pelo menos até terminarem a faculdade.Harry e Angge ainda continuam namorando,Niall diz que ele tomou vergonha na cara,e parou de olhar para outras mulheres,e que até está pensando em se casar com ela,porém ele ainda pensa que são novos para isso.Liam e Alice estão morando juntos,e agora estão noivos,provavelmente vão se casar em julho.Zayn ainda está solteiro,morando sozinho,pichando sua própria casa,pra ele não tem vida melhor que essa,principalmente agora nas férias.SeuNome e Niall ficaram ajeitando os preparativos para o casamento,o pai de SeuNome até veio para Londres para levá-la ao altar.Jeremy está com somente 1 mês e pouco,porém já está bem espertinho e....bem,agora vocês verão o resto da história. 

SeuNome P.O.V's
06 de dezembro|sábado 08:23 a.m.|Londres

Niall:Bom dia meu amor.
Eu:Bom dia meu anjo.
Niall: - sorriu - dormiu bem?
Eu:Uhum...como foi a última noite de solteiro?
Niall:Você sabe que eu não quis nada do que o Harry sugeriu.
Eu:Mesmo?
Niall:Uhum...até por que,o Louis não ia deixar...já que ele não quis também.
Eu:Então você queria ter sua noite?
Niall:Ei!Eu não disse isso,eu disse que mesmo se eu quisesse não iriam deixar ok?Eu não ia querer uma noite com um monte de mulheres que eu nunca vi na vida,sendo que eu tenho a minha,e que aliás,vou me casar com ela hoje.
Eu:Oooown,eu tenho o melhor futuro marido.
Niall:E eu a melhor futura esposa...bom,agora é melhor eu dar o fora,antes que a Alice venha me tirar daqui?
Eu:Que?A Alice já ta aqui?
Niall:Sim,ela já está...e me apressando muito também,não terminei nem o café da manhã.
Eu: - ri - bom,então é melhor você ir indo...se cuida - selei ele -
Niall saiu do quarto e fechou a porta.
Nossa...chegou o dia do meu casamento...mal acredito nisso.É tudo muito...estranho.Bom,claro que estou me sentindo assim,afinal,eu nunca me casei antes não é mesmo?
Me sentei na cama e me espreguicei.Coloquei meu chinelo e fui até o banheiro.Escovei os dentes,lavei o rosto e penteei o cabelo.Fiquei de pijama mesmo.Desci as escadas e quando cheguei na sala,me deparei com mais gente do que eu esperava:
Eu:Er...bom dia...Alice...você pode ir comigo na cozinha rapidinho?
Alice: - sorriu - mas é claro.
Fomos até a cozinha e eu encostei a porta:
Eu:Eu achei que só você,a Angge e a Bianca viriam!
Alice:Bom...eu tinha marcado hora pra você no Spa...mas aí eu resolvi trazer o Spa até você,pro seu dia de noiva.
Eu:Ai meu Deus...bom,obrigada - abracei-a -
Alice:Ah,chegaram vários presentes pra você e pro Niall.
Eu:E onde você os deixou?
Alice:Niall me ajudou a levar tudo pro quarto de hóspedes,assim fica mais fácil pra vocês abrirem tudo e tals.
Eu:Obrigada - disse abrindo a geladeira -
Alice:Ah,e o Jeremy vai dormir lá em casa hoje...pra vocês ficarem mais tranquilos,pra você sabe o que.
Eu: - revirei os olhos e ri - obrigada,obriga mesmo,por tudo.
Alice:Imagina...ah,e eu reconfirmei o horário do voo de vocês pra lua de mel,vai ser depois de amanhã,ás quinze horas ok?
Eu:Alice...o casamento é seu ou é meu?Você organizou praticamente tudo!!
Alice:Eu sei...é o mínimo que eu poderia fazer...ah,toma café logo...vão fazer sua unha agora.
Eu:Oook,senhorita organização.

Niall P.O.V's
06 de dezembro|sábado 10:04 a.m.|Londres

Louis:Será que dá pra parar de comer?Você vai acabar com a minha comida!!
Eu:Eu como quando eu estou nervoso!
Harry:Só quando ta nervoso? - riu -
Eu:Engraçado você né Harry?
Zayn:Ai gente,tenham dó,o cara ta quase desmaiando.
Liam:Pois é...Niall,espero que na igreja pelo menos você se controle!
Louis:Verdade,já pensou "você aceita SeuNome em casamento?" "S-s-s-s" e aí a pessoa desmaia.
Zayn:Ia ser o maior vexame - caiu na gargalhada -
Eu:Por que será que eu não to achando graça? 
Liam: - colocou a mão no meu ombro - relaxa cara,a gente ta tentando te animar.
Harry:É...já que você não teve sua noite ontem...NÉ LOUIS.
Louis:SeuNome é minha amiga,eu tenho que defender o lado dela,que nem o Niall defendeu o da Bianca!
Zayn:Verdade...ai Niall,você sabe se a SeuNome convidou algumas amigas gatas dela?
Eu:Não...só sei que ela convidou Deus e o mundo pra esse casamento sério - riram -
Harry:Também,você foi na gráfica que fez os convites umas duas vezes...já era de se esperar.
Eu:Eu não sei da onde que ela tirou tanta gente...tem uns que eu nem conheço cara.
Liam:É tipo aqueles parentes que aparecem uma vez por ano,normalmente no começo,e depois somem não é?
Eu:É isso mesmo,ela convidou umas três tias dela,que eu nunca tinha ouvido falar,e digo o mesmo da minha família.
Harry:Ah,mas isso é a coisa mais normal que tem não é?Hehe.
Louis:Cara,e a SeuNome...já começou a se arrumar?
Eu:Já...Alice quase me tirou de casa aos pontapés.
Liam:Essa é a minha namorada - riu -
Eu:Enquanto eu vou me arrumar no máximo uma hora ante do casamento.
Louis:O anta,precisa ser antes também,por que você tem ir até a igreja também!
Eu:Ah...é verdade...bom,o casamento é as 21horas...lá pelas seis e meia eu me arrumo,ta bom?
Louis:É...acho que da tempo,já que você num liga muito pra própria aparência - riram -
Zayn:Agora eu quero saber...de quem foi a ideia de gravata listrada de rosa e branco??
Eu:Do cara da loja...disse que ficaria "fashion".E eu não pude descordar...já que a minha mãe gostou também.
Liam:A gente devia ter ido no lugar da Maura,já que somos os padrinhos!!
Harry:Aliás,por que a gente tem que ficar tudo igual?
Louis:Verdade eu tava me perguntando isso agora,no meu casamento não foi assim.
Niall:Tradição da minha família - bateram na porta -
Louis:Eu atendo,minha casa,minhas visitas - disse pulando do sofá -
A coisa saltitante foi até a porta e meus outros três padrinhos chegaram:
Greg:E aí mano?
Derek:Fala Niall.
Bryan:Eae?
Eu:Eae caras - cumprimentei um por um -
Derek:E então?Preparado pra sofrer pro resto da vida?
Greg:Ah,não tão ruim assim gente.
Bryan:Não?Ele ta com a corda no pescoço,pro resto da vida.
Derek:Apesar de que a SeuNome é bem legal.
Eu:Minha mulher,tira os olhos.
Bryan:Ui,ui,ui,sua mulher,vocês nem casaram ainda...
Eu:Se vocês aprontarem alguma coisa eu mato os dois la na igreja mesmo!!
Derek:Duende nervoso feat irritado á vista!
Louis:Relaxa cara,são dois idiotas mesmo,deviam casa,já que se completam com tanta chatice.
Zayn:Depois dessa eu simplesmente não saía mais na rua - gargalhou -

SeuNome P.O.V's
06 de dezembro|sábado 5:31 p.m.|Londres

Eu não pensava que o dia de noiva era tão bom assim haha.Fizeram almoço pra mim,toda hora me trazem algum petisco pra comer,unhas feitas por manicures perfeitas,massagem..ah,tudo perfeito.Agora mesmo eu estou tomando banho de banheira com algumas pétalas de rosas...sério não tem coisa melhor que isso!!
O cabeleireiro e a maquiadora já chegaram,estam preparando as coisas...enquanto isso eu fico aqui,relaxando...haha,que vida boa...quem dera fosse assim todo dia,pois é.

[...]

Neste momento estão terminando de fazer meu cabelo e maquiagem,eu não tenho a mínima ideia de como ficou,por que simplesmente não me deixaram ver..pois é,toda vez que eu ia tomar alguma coisa ou comer eles iam lá e colocavam uma toalha na minha cabeça e cobriam a região dos olhos,sofri.Ideia da Alice,tinha que ser né.

[...]

Eu:Será que agora posso me ver?
Alice:Ta...agora você pode se olhar - tirou o pano da minha frente -
OMG!Sério que essa pessoa no espelho sou eu?Num to acreditando muito não:
Eu:IMPOSSIBLEEEEE,IMPOSSIBLEEEEE - comecei a cantar do nada -
Alice: - começou a rir sem parar - sério mesmo? - riu mais ainda -
Gabe(cabeleireiro):Queridaa,nada é impossível para Gabe e Lauren Green (maquiadora)
Eu: - ri - ainda bem,por que pra eu parecer bonita,só com um milagre mesmo - ri -
Gabe:Que nada,você é modelo criatura,tem o rosto mais perfeito que eu já vi.
Eu:Aaaaawn obrigada...sério,obrigada mesmo.
Angge:SeuNome...eu não queria interromper o momento,mas a Bianca ta chamando pra te colocar o vestido!
Eu:Ah,sim,claro...só um momento - me virei para Gabe e Lauren - quanto ficou?
Lauren:Já pagaram meu anjo.
Eu:Sério?Quem?
Gabe:Bryan e Derek,presente de casamento deles.
Eu:Olha,aqueles dois prestaram para alguma coisa - risos -
Lauren:Bom,nós já estamos indo...
Eu:Ah,esperem - me virei para Alice - pega dois convitinhos pra cada um deles,estão em cima do meu criado-mudo.
Gabe:SeuNome,não precisa se incomodar com isso.
Eu:Não é incômodo,é um prazer.
Alice: - entregou os convites -aqui - sorriu -
Eu:Bom,é melhor irem pra ficarem mais perfeitos ainda pro meu casamento né? haha.
Gabe:Se é assim já estamos indo,beijinhos para todas - saiu pela porta da frente junto com lauren -
Eu:Bom,agora eu tenho que por o vestido não é?
Alice:Sim,sim,vai se tornar a princesa...mas eu não posso ajudar,por que vou pra casa me arrumar,bye.
Angge:Eu digo o mesmo,desculpa.
Eu:A Bianca ta aí?
Angge:Ela tinha ido pra casa pra se arrum...
Bianca: - entrou pela porta - chegueeeeei.
Eu:Ainda bem,me ajuda a por o vestido?
Bianca:Claro,vamos,vamos - disse subindo a escada -


Na igreja...

Assim que cheguei na porta da igreja,meu pai abriu a porta da limusine,me deu um beijo na testa e me ajudou a descer.Subi escadas com meu pai,e nos posicionamos.Os seguranças abriram a porta,e a marcha nupcial começou a tocar.Meu coração estava quase saltando do meu peito,e eu,por um motivo bom,não parava de sorrir.Eu passava os olhos pela igreja,olhava todos os convidados que acenavam,até que olhei pra frente e vi Niall,desde então,eu não consegui tirar os olhos dele.Eu só pensava em como minha vida estava preste a mudar,como seria daqui pra frente,eu,Niall,Theo,e quem sabe mais um futuro integrante na família..e um cachorro talvez,haha,coisa meio estranha pra se pensar em um casamento,mas tudo bem.Quem diria que eu,que queria ser solteira pra sempre,me casaria assim...vestida de princesa,e ainda com o meu melhor amigo,é ironias da vida.
Chegamos ao altar.
SeuPai: - olhou para Niall - cuide bem dela.
Niall:Pode deixar - sorriu e se virou pra mim - você está linda.
Eu:Obrigada,você está perfeito.Quem diria,que eu me casaria com você.
Niall:Verdade,duas pessoas que só queriam ser solteiros pra sempre,e ter festas que não acabassem.
Eu:Bom,tudo depende de quando o amor acontece (When Love Happens).
Sorrimos um para o outro e demos continuidade ao momento que mudaria nossas vidas.


Oeee,gente eu estou viva!!Pois é,acreditem,eu ainda vivo aqui na Terra.Bom,eu tenho que pedir
muitas desculpas por esse sumiço de meses,e ainda mais por esse final lixoso,sim,além de ter sumido
eu terminei essa fanfic desse jeito chato,previsível e sem criatividade nenhuma,eu sei,podem me 
xingar,vocês tem todo direito.Mas eu prometo que a minha próxima fanfic (sim gente,eu vou voltar
a postar) vai ser bem melhor que essa,e o final vai ser bem melhor também,eu garanto haha.
Bem,eu queria agradecer a vocês,por terem acompanhado essa fanfic,até por que,sem vocês ela
não teria tido continuidade não é?E agradecer a Angge e a Anne que também me ajudaram dando
opiniões que foram de extrema ajuda.E mais uma vez eu queria pedir desculpas por esse final 
lixoso,é que eu meio que comecei a próxima fanfic e acabei esquecendo dessa,ai a criatividade
passou pra uma e acabou esquecendo dessa sabe?Então,me desculpem mais uma vez.
Espero que vocês continuem aqui comigo para acompanhar a próxima fanfic que vai ser do
LOUIS BUNDUDO TOMLINSON ok?haha,beijooos,amo vocês <3



Gotta be you - Capitulo 5 -PARTE 2

continuação...
SeuNome
Ponto de vista

Assim que abro a porta me deparo com tudo escuro... Estranho !! Liguei as luzes  e fiquei com cara de taxo. Ao ver aquele povo todo começando a bater palmas e cantarem “Happy b-day”.
“Mas SeuNome você deveria ta feliz”. Não é questão de está feliz ou não. É que eu nunca gostei de ser o centro das atenções e além do mais eu estou toda desarrumada, como se eu me preocupasse com moda. Claro que não ia dá uma de mal agradecida, sorri o mais forçado que pude para pelo menos mostrar que eu tava feliz, mas a verdade é que eu não estava feliz. Assim que aquela música insuportável acabou me aproximei sorrindo fraco, nossa, tinha gente que nunca tinha visto na vida. 
Alex se aproximou me puxou pelo braço sorrindo, afinal, ela sempre ta sorrindo não importa o que aconteça: 
Alex: Parabéns SeuNome! –sorria 
Eu: De quem foi essa ideia estúpida de festa surpresa? 
Alex: Sua... Mãe  
O sorriso que antes tinha em seu rosto se desmanchou rapidamente, droga, eu estou agindo como mal agradecida, mas todos sabem que odeio... Ok, ok, nem todos sabem. Olhei-a, suspirei fundo e sorri fraco: 
Eu: Desculpa, então... Obrigada - sorriu
Alex: Não precisa fingir que ta feliz - sai andando
Eu: Ale... Volta aqui...
Zayn fica por trás de mim e sussurra:
Zayn: Acho melhor sorrir muito e fingir que pelo menos você gostou...
Suspiro fundo, e abro o maior sorriso que conseguir, fui cumprimentando todos, ganhando presentes. E olha que tinha umas 200 pessoas ali, depois de cumprimentar e conhecer metade daquelas pessoas, puxo Alex pro quarto e olha que ela nem tentou ficar lá em baixo, entramos e a olho, respiro fundo:
Eu: Me perdoa por mais cedo, mas... Preciso dá sua ajuda, o que vou vestir?
Alex: sorri fraco- Isso... -aponta pra cama
Eu: Wou, já deixou reservado?
Alex: Sim -sorria bem forçado
Eu: encaro ela- O que foi?
Alex: Nada, depois conversamos, tchau -fala rápido e sai correndo do quarto
Não sabia o que fazer, afinal, nunca vi ela assim. Ok, ela é estranha mas sei lá, depois resolvo isso. Fui pra frente do espelho e fiquei encarando meu reflexo, eu não queria uma festa, só queria ir pro Nando's e comemorar só com meus pais, a Alex, talvez a Carly e o Zayn. Vou pro banheiro, retiro a roupa e começo a tomar banho sem a mínima pressa. Assim que termino, vou pro quarto -enrolada em uma toalha-, visto o look que a Alex deixou. Passo uma maquiagem leve e básica, deixo o cabelo solto e claro, pego uma touca. Me surgiu aquela maldita vontade de me cortar, por quê? Porque eu não queria tá aqui agora, tudo que eu preciso é de um abraço e pronto. Respirei fundo, coloquei minha pulseira e desci, logo vi um menino de costas, com cablo meio cacheado e liso ao mesmo tempo, me aproximei e logo ele se virou. Ai meu Deus, acho que devo tá branca agora, sim, isso mesmo, é o Harry. O puxo e o abraço forte:
Eu: Ai meu Deus -sussurro ainda pasma
Harry corresponde ao abraço e me gira no ar, depois de uns três giros ele me põe no chão, ainda o abraçando e sorrindo muito falo:
Eu: Melhor presente de todos.
Por quê? Bom, vou contar um segredinho. Além do cacheado ser meu melhor amigo, logo na infância eu tinha uma mini-quedinha por ele. Por que mini? Porque não era um sentimento tão forte, acho que pelo jeito que ele sempre me tratou -carinho,amor,compreensão,dedicação-, foi surgindo um mini sentimento.
Harry: Princesa, me ajuda em uma coisinha?
Eu: Deixa eu adivinhar, quem quer que eu te arme?
Harry: Sua irmã
Eu: Pera, mas.... E sua morena?
Harry: Você também é minha e nem por isso eu quero te pegar
Ele solta um riso forçado e baixo, me soltando e me olha de cima a baixo.
Harry: Sabe, retiro o que disse. -morde lábio inferior
Abaixei minha cabeça totalmente corada e bato no braço direito dele fraco, soltando um riso meio sem graça.
Harry: Então, vai me ajudar?
Eu: Não, agora se me dá licença tenho que dá atenção a mais de... Sei lá, quantas pessoas.
Harry: 165 
Eu: De onde tiraram tanta gente? -fico séria
Harry: Nossos amigos de infância e alguns tenho que te apresentar -sorri malicioso
Eu: Você não mudou nada -ri baixo
Harry: sorri- Tá, agora vai lá, enquanto tento me dá bem com sua irmanzinha
 Ele dá um leve beijo na minha bochecha e vai saindo, suspiro e olho em volta e fui até o dj, sorri fraco:
Eu: Oi -sorri
Xx: Ah, parabéns SeuNome -me abraça
Eu: corada- Então.. Posso pedir músicas?
Xx: Um obrigado seria legal
Eu: Des..Ah, obrigada, er... Qual seu nome?
Xx: Liam Payne, ou melhor, sou o Batman, prazer.
Eu: ri- Prazer batida, sou apenas uma moça indefesa. Acho que o Harold já falou de você -falo pensativa
Liam: Er... Graças a ele eu tou aqui nessa festa e vou estudar com você ano que vem
Eu: Sério? -sorri- Legal, se mudou pra cá agora?
 Ele se vira , muda de música e me olha;
Liam: Semana passada e olha só, sou seu vizinho e você nunca percebeu -sorri amarelo
Eu: ri baixo- Me desculpe mas não sou de sair de casa. Bom, agora vou dá atenção aos outros seres que estão aqui e que não conheço -ri
Liam: Ah, claro -sorri- Você não ia pedir uma música?
Eu: Hey brother -sorri
Liam: Ótimo pedido
 Ele dá um sorriso simpático e saio de perto indo ver outros convidados. Depois da música que estava tocando começou a tocar a que tinha pedido.

Zayn
Ponto de vista

 Juro que ainda mato o Harry por causa disso. Não acredito que o Liam já tá dando em cima da SeuNome, tá, eu não ouvi a conversa, mas vi de longe e os dois conversavam e sorriam, até mesmo riam. 
 A SeuNome sempre agiu tímida comigo e por que conhece o Liam hoje e já tá com essas intimidades todas? Eu sei que tou com ciúmes, só tou cuidado do que ainda será meu e ainda hoje quero beija-lá.
 Aqueles lábios, aquele sorriso, aquele corpo, aquele jeito, aquela mulher, eu tenho que a ter, nem que seja a última coisa que eu faça. Ela é bem contrário da irmã dela, muito mais diferente e a SeuNome sim, é perfeita. Me aproximei de SeuNome que conversava ou melhor, ouvia uma loira esquisita tagarelar. A puxo pela cintura, fazendo ela se virar pra mim e olhar nos meus olhos. Ela sorriu fraco, mordo o meu lábio inferior e sorrio pra ela:
Eu: Quer dançar?
SeuNome: A...A..Ah, claro-sorri
 Ela parecia tá muito nervosa e ta bem corada, sinceramente, amo a ver assim. Fui com ela até a pista de dança e começamos a dançar igual a dois retardados, e sim, estamos sóbrios .

Carly
Ponto de vista

Harry: Mas...
Eu: Cai fora Styles, eu não quero dançar.
 Me viro, já que ele não quer sair, eu saio. Como diz o ditado "Os incomodados que se mude". Acho que ainda vai demorar bastante até partir o bolo, afinal, tou louca pra ver a SeuNome toda melada.

[...]

 Hora da brincadeira começar, todos foram para frente da mesa, a Seunome ficou entre a mesa, e todos batiam palma e sorriam enquanto a grilada forçava um sorrisinho tosco. Fui andando olhando pros lados, vá que alguém me visse -provavelmente, estaria ferrada- . Cheguei onde o crime se encontrava, e fiquei preparada pro ataque. Logo quando terminou a melodia do violão, puxei a corda -soltando o nó- que estava segurando o vaso, fazendo ele cair.

SeuNome
Ponto de vista

 Só de ver aquelas pessoas me encarando pasma, logo senti lágrimas percorrerem por meu rosto. Senti aquele liquido gosmento pelo meu corpo e ainda por cima na frente de todos foi muito doloroso, retirei uns pingos de tinta que cai sobre meu rosto e novamente voltei a encarar aquelas pessoas, e sai correndo -melando tudo- pela escada, ouvia passos de alguém vindo atrás, quando iria fechar Harry segura a porta, respiro fundo e solto a porta e vou andando pra cama e sento, enquanto o Harry entrava e fechava a porta, e se aproxima senta a meu lado.
Eu; suspiro- Veio ri da minha cara?
Harry: Eu nunca faria isso -limpa um pouco de tinta da minha bochecha- Vai tomar um banho e vou separar uma roupa mais confortável -sorri
Eu: Me perdoa por estragar a festa, não era minha inten...
 Ele tampa minha boca e faz aqueles olhares de pai mandão, sorrio forçado, levanto vou pro banheiro, tranco a porta e vi o Gillette em cima da pia. Realmente eu queria me cortar mas não quero magoar pessoas mais próximas e essa agonia não passa de jeito algum, foi o jeito eu abri e olho o Harry e o chamo, ele se aproxima e vê logo o Gillette por cima da pia, entra no banheiro sem ao menos eu permiti e continuou calado, pegou o Gillette e foi saindo, sua expressão parecia mais de pena do que tudo, será que todos estão com pena de mim, respirei fundo deixando lágrimas caírem, entro de volta no banheiro e fecho a porta, trancando-a e escorregando na porta, não me importava em melar tudo de tinta. Eu tava me sentindo super mal, não iria imaginar que alguém faria isso e além do mais, ninguém sabe quem é esse alguém. Eu ate tava começando a gostar da tal surpresa.
 Limpei minhas lágrimas, retirei minha roupa ainda sentada, me apoiei na fechadura da porta e levantei, caminhei dando leves passos, liguei a torneira e entro, fico olhando a agua se enchendo. Logo quando ela terminou de se encher, desligo a torneira, pego meu sabonete e começo a me ensaboar. Enquanto me ensaboava fiquei pensando no que estava acontecendo, sinceramente, não faço ideia.
 Depois de alguns minutos termino meu banho e saio da banheira, eu tinha lavado meu cabelo mas ainda continua meio verde por causa da tinta. Me seco e me enrolo em volta da toalha enorme. Sai do banheiro e não tinha ninguém no quarto, vi um pijama ao lado de uma foto em cima da minha cama. Me aproximo e sorrio fraco vendo uma foto minha e do Harry que tinha mais ou menos uns 3 anos. Coloco a foto em um porta-retratos, visto o pijama e deito sobre a cama. Não consegui dormir logo quando deitei, adormeci depois de um longo tempo.


  Oi gente, sorry pela demora. Iria postar sábado passado mas acabei ficando sem net. E quando chegou as aulas já tinham começado e esse ano tem muitas 
pesquisas.
 Eu vou dá uma pausa nessa fic até semana que vem pois essa semana vou fazer os dois últimos capitulo
de All for you. E desculpem se tiver alguma coisa errado (ortografia) no ultimo pdv da SeuNome, é que terminei ele no tablet, e bom, não sei colocar acentos naquela bagaça de teclado.
 Beijos suas lindas.